De papelão e na Índia: uma mochila-carteira | Labedu
Casos e Referências

De papelão e na Índia: uma mochila-carteira

18 de março de 2015

Que tipo de ideia se pode ter para melhorar a educação? Com caixas de papelão que antes eram restos de materiais de lojas e supermercados, uma organização sem fins lucrativos de Bombay, na Índia, mudou a forma como as crianças das zonas rurais estudam e carregam seus materiais.

 

Antes, as crianças iam pra escolas e estudavam no chão, comprometendo não apenas a aprendizagem, mas a saúde.

Emocionante ver algo que une design + sustentabilidade + funcionalidade e uma vida melhor para essas crianças.

Para a fundadora da Aarambh, o conceito de carregar uma mochila, ter transporte e chegar à sala de aula com carteiras é um sonho distante de muitas crianças em algumas regiões da Índia. “Muitas famílias trabalham mais de 10 horas por dia e não ganham nem um dólar por isso”, disse Shobha Murthy ao site Co.exist.

Para criar a Help Desk, pensando num instrumento ergonomicamente correto para as crianças, vários protótipos foram realizados até que o resultado final foi distribuído a 10 mil estudantes de 600 escolas. “Eles amam a mochila-carteira e tomam o maior cuidado pra não estragá-la”, disse Murthy.

Neste momento, o grupo está pensando em como criar o mesmo modelo coberto por algum material que o proteja da chuva. Enquanto isso não é desenvolvido, eles afirmam que a mochila-carteira não dura para sempre, mas leva a maior vantagem de todas: o que estragar pode ser substituído facilmente, só é preciso de 20 centavos.

Texto: Garatujas Fantásticas

Compartilhe
TEMAS
Para poder deixar seu comentário, por favor, identifique-se abaixo.

Posts Relacionados

Outros posts que podem interessar