teste
Dicas Práticas e indicações

Em homenagem ao Museu Nacional

Em homenagem ao Museu Nacional
Imagem retirada de Acervo Fotográfico - Museu Nacional
12 de outubro de 2018..

Alunos de uma escola da Baixada Fluminense organizam álbum de fotos da visita realizada ao Museu Nacional em junho. Saiba mais aqui!

Como parte de suas atividades escolares, adolescentes de 11 e 12 anos, alunos do Colégio Curso PeC, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, visitaram o Museu Nacional em junho. Mal sabiam eles que os registros fotográficos que fizeram naquela ocasião se tornariam uma das poucas formas pela qual outros estudantes poderão conhecer o acervo deste museu.

Em virtude do incêndio sofrido no começo de setembro, o Museu Nacional perdeu boa parte de seu acervo. Buscando homenagear o Museu e permitir que outras pessoas possam conhecer as tantas preciosidades antes ali contidas, os estudantes, em parceria com professores e com a direção da escola, resolveram organizar um álbum com as imagens coletadas na visita e compartilhá-lo no Facebook. O álbum objetiva “preservar a memória do acervo e, ao mesmo tempo, expressar a tristeza dos alunos com a tragédia”, afirmou Mariana Freitas, profissional da administração da escola em entrevista ao BuzzFeed News.

O álbum reúne centenas de imagens, desde a fachada do prédio até itens dos vários setores do Museu. Confira a seguir alguns dos registros fotográficos feitos estudantes e conheça o álbum completo acessando a página Acervo Fotográfico – Museu Nacional. Vale apreciá-lo com as crianças também, seja para conhecer parte do que foi perdido, seja para conversar sobre a importância da preservação desses tão importantes espaços culturais. Afinal, como destaca o texto de abertura do álbum:

“[…] juntamos algumas imagens capturadas pelos nossos alunos no dia da nossa visita. Não são imagens profissionais e a maioria delas não estão em ótimas resoluções, mas ficam aqui registrados os olhares dos nossos alunos que felizmente tiveram a oportunidade de ter contato com a história do seu passado. Nunca poderemos demonstrar as riquezas históricas que aquele prédio guardava, nem os seus 20 milhões de itens no acervo, mas fica aqui uma humilde tentativa de manter nossa história viva.”

Compartilhe
TEMAS
Para poder deixar seu comentário, por favor, identifique-se abaixo.

Posts Relacionados

Outros posts que podem interessar