Fruir poemas com as crianças | Labedu
Dicas Práticas e indicações

Fruir poemas com as crianças

Ilustração de Martha Barros.
14 de maio de 2014

Quando pensamos em poesia, muitas vezes vêm em mente textos em versos que mal fazem sentido, que as vezes criam uma imagem bonita, as vezes utilizam palavras difíceis… o que são os poetas, afinal, se não artistas que escrevem de um jeito desigual?

 

Para um adulto, fruir na poesia nem sempre é simples. Geralmente não estamos acostumados com esse gênero da literatura. A intensa presença de metáforas e imagens faz um jogo de sentidos que demanda explorar limites e a imaginação.

Assim, ler poesia para uma criança pode parecer uma ousadia… afinal, se nós mal entendemos, como uma criança irá entender?

Infância e poesia, entretanto, combinam muitíssimo bem!

Esse jeito “torto” de ver o mundo que pertence ao poeta, também pertence à criança. O pensamento infantil gira em torno de imagens e metáforas; para entender o mundo, a criança cria associações em sua mente. A falta de palavras para descrever os seus sentimentos resulta em uma tentativa verdadeira de moldar o mundo de um jeito bastante peculiar.

Ler poesia na infância significa cultivar um lado que não deveríamos perder. Em uma entrevista à Educar para crescer, o professor de literatura brasileira Helder Pinheiro, argumenta a favor dela: Por que gostamos tanto de música? Por ouvimos cotidianamente. E mais: não só um tipo. A diversidade é fundamental para que a criança crie parâmetros, vá descobrindo que tipo de texto mais lhe agrada. A vida é muito complexa, não existem garantias de que a poesia determine uma sensibilidade estética. Mas mesmo sem certezas muito absolutas, acredito muito na contribuição da poesia para nos tornar mais alegres, mais sensíveis, mais humanos, enfim.”

Cultivar a poesia na infância é abrir mais um espaço expressivo para a criança. Quantos mais meios de ver o mundo o adulto disponibiliza, mais ela irá desenvolver sua sensibilidade.

Ler poemas com as crianças é sempre uma boa ideia!

Martha barros 2

Deixamos aqui mais um poema de Manoel de Barros e lembramos que arte não tem idade. Ou seja, não precisamos ler para as crianças poemas escritos só para elas.

Em breve daremos dicas de mais livros em “Livros que fazem as crianças crescerem”. Aguardem e se quiserem sugerir alguns títulos, teremos muito prazer em indica-los também.

Imagens: Martha Barros

Compartilhe
TEMAS
Para poder deixar seu comentário, por favor, identifique-se abaixo.

Posts Relacionados

Outros posts que podem interessar