Casos e Referências

Sobre a importância do erro

Sobre a importância do erro
Imagens retiradas de Toy Stories - Gabriele Galimberti. Unsplash
13 de agosto de 2018..

O que podemos aprender diante de situações em que nada parece dar certo?

Desde pequenos somos expostos a inúmeros desafios que tentamos cumprir da melhor maneira possível, já que socialmente parece que é sempre esperado de nós o sucesso. Errar é comumente associado a uma ideia de fracasso, de perda e de incapacidade de realizar algo com competência, o que faz com que tentemos afastar essa opção a qualquer custo. Essa busca pelo êxito nos leva muitas vezes a focar no resultado e não no processo que envolve as nossas experiências, o que faz com que nos esqueçamos do quanto o erro também pode ser importante para o crescimento. Vale lembrar que a própria ciência e as grandes descobertas surgiram de equívocos que culminaram em revelações incríveis!

É claro que acertar e vencer é sempre mais prazeroso do que se frustrar, pois isso faz nos sentirmos bons, talentosos e valorizados pelo outro. Entretanto, ganhar o tempo todo é praticamente impossível. A própria convivência, seja em casa, na escola ou em outros ambientes de interação nos revelam rapidamente que não seremos os melhores em tudo. Há sempre alguém que irá se destacar pela sua habilidade com os esportes, com os desenhos, com as amizades etc. E tudo bem, pois cada um tem as suas qualidades e defeitos a serem descobertos individualmente ao longo do caminho.

O papel do adulto será fundamental para mostrar à criança que todos estamos sujeitos ao erro, mas que ele não deve nos paralisar nem servir como base de comparação. Dentro desse cenário inconstante da vida, nos chateamos com aquilo que não aconteceu da maneira como esperávamos, mas podemos aproveitar essa oportunidade para perceber que tipos de ganhos tivemos com as nossas tentativas e reconhecer todas as outras potencialidades que carregamos conosco.

Está aí um exercício diário, até mesmo para nós, que já somos crescidos, e que envolve persistência, humildade e coragem de enfrentar o mesmo problema repetidas vezes. Buscar novos caminhos, avaliando o que foi bom e o que foi ruim em determinadas circunstâncias, entender os próprios limites e poder se orgulhar das vitórias alcançadas a cada investida nos ajuda a desenvolver uma capacidade criativa para driblar os obstáculos, aprender lições e ter sempre uma nova chance para crescer e melhorar.

Errar é parte natural de um processo de aprendizagem e nem sempre existe uma maneira correta de fazer as coisas. Compreender que nossos erros nos acompanharão por toda a existência talvez nos liberte dessa ânsia pela perfeição e nos ajude a valorizar o que construímos pouco a pouco com o nosso esforço.

E você, como lida com o erro? E como ajuda a criança a fazer isso? Compartilhe conosco suas ideias e soluções para tratar desse assunto, especialmente com as crianças!

Compartilhe
TEMAS
Para poder deixar seu comentário, por favor, identifique-se abaixo.

Posts Relacionados

Outros posts que podem interessar