Música, música, música... como é bom ouvir! | Labedu
Dicas Práticas e indicações

Música, música, música… como é bom ouvir!

21 de março de 2014

Samba, rock, jazz, música clássica… todo mundo certamente gosta de escutar música. Toda cultura possui algum tipo de música. Desde quando somos muito pequenos, ouvir composições é uma maneira curiosa de se entregar, de se divertir e aprender.

Estudos têm mostrado a importância da música para o desenvolvimento infantil. Segundo Simone Amorin, especialista em neurologia infantil, introduzir música para crianças desde pequenas pode contribuir em diversos aspectos. Afinal, é na infância em que a proliferação de conexões neuronais está em alta (como já tratamos aqui) e quanto mais estímulos a criança receber, maior será a sua capacidade de desenvolvimento.

Segundo a neurologista, ao mergulharmos no mundo da música, ambos os lados do cérebro são ativados, significando que pode estimular tanto o lado criativo como o raciocínio abstrato.

Porém, educadores especializados alertam para o cuidado de não utilizar a música para atingir outros fins, defendendo que “a música vale por si mesma” (veja mais aqui).

Assim, vale a pena ouvir e fruir com os pequenos, sabendo de seus benefícios, mas sem querer necessariamente ensinar algo concreto através ela.

Selecionamos algumas músicas para ouvir com crianças:

Veja e ouça Live and Let Die, de Paul & Linda MacCartney, na interpretação de Fernanda Takai, do Pato Fu, clicando aqui.

Ouça ainda Adriana Partimpim aqui.

Grupo Tiquequê, aqui.

E também a música DEZ, do CD, Pequeno Cidadão:

E para completar tem a playlist Lave as orelhas do Garatujas Fantásticas, espaço criado, segundo Thaís Caramico, porque “gostamos de música e não entendemos por que quando se fala em crianças, costuma-se reduzir a seleção a determinados grupos ou estilos. Música para criança é música: tem de ter qualidade, ser boa de ouvir, gostosa de dançar. E quanto mais opções a gente oferecer às crianças, melhor!”

Então, clique aqui para ouvir.

Compartilhe
TEMAS
Para poder deixar seu comentário, por favor, identifique-se abaixo.

Posts Relacionados

Outros posts que podem interessar